Como saber se seu site é lento ou rápido para SEO?

O Google já afirmou publicamente que a velocidade do site conta para ranqueamento orgânico. Isso significa que sites que carregam rapidamente têm vantagem em relação a seus concorrentes no que diz respeito a SEO.

Tanto que o próprio Google disponibiliza uma ferramenta gratuita para testar a velocidade. É o Test My Site, que faz um diagnóstico e oferece um relatório com prioridade para a versão mobile.

Test my Site by Google

A velocidade é toda baseada em conexões para celulares, uma vez que a navegação majoritária já é uma realidade. O diagnóstico é bastante objetivo. Pode ser de aprovação, como este:

Site rápido

Ou de reprovação, como este:

Site lento

Caso seu site seja reprovado no teste, é recomendável conversar com a equipe (ou empresa) que atende você.

Livro SEO 2019
Livro de Adam Clarke

O livro SEO 2019, cujo resumo traduzido você pode baixar aqui, faz algumas sugestões do ponto de vista técnico. Adam Clarke, o autor, orienta que você hospede seu site em um servidor na mesma cidade onde a maioria de seus consumidores reside, se isso for possível.

Se não for possível, você pode usar um CDN (content delivery network), que espalha a hospedagem por sites em todo o mundo. Serviços como Amazon CloudFront, Max-CDN e CloudFare fazem isso. Utilize plugins que fazem cache das páginas, pois eles aceleram o carregamento. Há muitos deles disponíveis para WordPress.

Pode haver problemas, ainda, relacionados a conteúdo, como peso dos arquivos — como imagens — carregadas no site. Ou mesmo à escolha do template instalado em caso de WordPress.

Takeaways

Velocidade de carregamento do site é um dos fatores técnicos que contam para SEO. O próprio Google disponibiliza uma ferramenta gratuita para aferição do tempo que uma página leva para carregar.

Cassio Politi

Sobre o autor: Cassio Politi é fundador da Tracto. Implantou programas de content marketing em empresas do Brasil e em multionacionais. Autor do primeiro livro em língua portuguesa sobre content marketing, publicado em 2013, é o único sul-americano a compor o seleto júri do Content Marketing Awards. Desde 2016, é palestrante em eventos no Brasil e no Exterior, normalmente apresentando cases bem-sucedidos de seus clientes.

 

Ouça este post

Você pode ouvir o conteúdo deste post no episódio #137 do podcast Takeaways.

Ouça o Takeaways também no Spotify, iTunes e Stitcher.∞