Dois blogs corporativos diferenciados: Starbucks e McDonald’s

Se tivesse de citar o blog corporativo que mais me impressiona positivamente, não titubearia. É o My Starbucks Idea. Funciona como um grande brainstorming coletivo. Qualquer internauta pode dar sua sugestão livremente e a comunidade avalia a sugestão de forma binária: gostei ou não gostei.

Em 2012, o site chegou à marca de 100 mil posts em que os usuários lançam ideias de novos produtos, promoções, combinações de sabores, tamanhos de porções etc. Ocasionalmente, um usuário reclama de uma falha operacional, como mau atendimento em uma loja. Posts negativos normalmente ganham alguns adeptos ao mesmo tempo em que são rebatidos por defensores.

Ter advogados da marca é muito difícil, e isso impressiona. O conceito do Starbucks é genial. Cada vez mais, reuniões são agendadas ali. Não é só pela qualidade dos alimentos. O ambiente conduz a isso. Muitos profissionais trabalham de casa e fazem lá as suas reuniões. Além de uma opção mais econômica, ganham qualidade de vida e, por esses e outros motivos, se tornam gratos à marca.

Para não ficar somente em um blog, cito também o Our Food Your Questions, do McDonald’s canadense. A lógica é bastante simples: o internauta se conecta usando sua conta de Twitter ou Facebook, lança seu questionamento e a empresa responde. Na maior parte dos casos, as perguntas são pontiagudas e bem embasadas. Não deixa de ser uma oportunidade para o McDonald’s esclarecer pontos duvidosos sobre os alimentos que vende.∞

Cassio Politi

Sobre o autor: Cassio Politi é fundador da Tracto. Implantou programas de content marketing em empresas do Brasil e em multionacionais. Autor do primeiro livro em língua portuguesa sobre content marketing, publicado em 2013, é o único sul-americano a compor o seleto júri do Content Marketing Awards. Desde 2016, é palestrante em eventos no Brasil e no Exterior, normalmente apresentando cases bem-sucedidos de seus clientes.