Quantas pessoas têm acesso à internet no mundo?

Existem hoje no mundo 3,6 bilhões de internautas. Eles correspondem a 47% da população mundial, estimada em 7,6 bilhões. A quantidade de usuários de internet mais do que dobrou em apenas oito anos. Em 2009, havia 1,7 bilhão de internautas no mundo.

Os dados são atualizados permanentemente pela Statista, que disponibiliza em seu site o gráfico abaixo.

Usuários de internet no mundo

Em sua newsroom, o Facebook, que também faz estudos relacionados ao volume de internautas no mundo, listou as quatro barreiras-chave para o acesso à internet:

Disponibilidade: a proximidade da infraestrutura necessária para acesso. Atualmente, 78% da população mundial está coberta por redes mobile, o que significa que 1,6 bilhão de pessoas vivem em regiões sem sinal de celular. A cobertura em regiões remotas custa de duas a três vezes mais do que em centros urbanos e serve menos pessoas.

Acessibilidade: o custo do acesso em relação à renda. De cada dez pessoas, quatro dispõe de um plano de pelo menos 500MB por mês. Para usuários que não dispõem de telefones móveis, o custo para ficar online é três vezes maior do que para aqueles que dispõem.

Relevância: o motivo para acessar, como o idioma principal do conteúdo. De todas as línguas existentes, 55 são consideradas de alta relevância — ou seja, contam com menos 100 mil artigos na Wikipédia. Da população mundial, 58% têm essas línguas de alta relevância como seu idioma primário e 67%, como primário ou secundário.

Facilidade: a capacidade de acesso, incluindo habilidades, consciência e aceitação cultural. No mundo todo, um bilhão de pessoas são desprovidas de habilidades elementares de alfabetização. Nos países em desenvolvimento, dois terços das pessoas que não tem conexão não entendem o que é a internet.

Considerar esses quatro aspectos é importante quando o programa de content marketing se destina a regiões remotas ou quando é voltado para um público de massa — pouco segmentado —, especialmente em âmbito continental ou mundial.∞


Este artigo foi originalmente publicado em março de 2016 e vem sendo constantemente atualizado e enriquecido desde então.