Como os governos usam as redes sociais no Brasil e nos Estados Unidos 2012

A comparação entre a forma como governos de estado do Brasil e dos Estados Unidos utilizam redes sociais foi analisada pela Tracto. Resumidamente, as conclusões do estudo são essas:

  • Twitter é a rede social preferida pela maior parte dos governos em ambos os países.
  • Contas de Twitter atualizadas por uma pessoa física (no caso, o governador) são mais populares e mais influentes do que aquelas que possuem perfil institucional.
  • Mesclar informações de cultura, lazer e esportes a questões técnicas do governo é a principal característica do conteúdo dos perfis mais populares no Facebook e no Twitter.
  • Há correlação entre PageRank do site oficial e o número de internautas no estado.
  • A maior parte dos governos de estado brasileiros utiliza YouTube e disponibiliza feed RSS.
  • Os dados foram coletados na primeira semana de julho. Foram utilizadas ferramentas abertas, além de navegação pelos sites, garantindo que os dados sejam checados por qualquer pessoa.
  • Um dos problemas críticos para levantamento de redes sociais é a legitimidade das contas. Nada garante que uma página no Facebook ou uma conta no Twitter seja efetivamente a oficial. A maneira mais simples é entrar no site oficial do governo e encontrar lá o link. Este foi, portanto, o critério adotado para selecionar e validar os objetos de análise.

Ficha técnica
:: Autoria da pesquisa: Cassio Politi (Tracto).
:: Amostra: 27 instituições brasileiras e 51 americanas.
:: Publicação do relatório de pesquisa: 25/7/2012.
:: Formato do arquivo para download: PDF.

Download gratuito