Pesquisa mostra em quais ferramentas de content marketing você pode apostar suas fichas

O Facebook está caindo? O e-mail morreu? Revista impressa vale a pena? Qualquer resposta fatalista é mero chute.

Entretanto, existe um modelo do ciclo de vida de plataformas, ferramentas, tecnologias. É o chamado Hype Cycle do Grupo Gartner, criado em 1995.
Hype Cycle da Gartner

O ciclo prevê as fases que toda novidade atravessa. Começa em ascensão, atinge o pico, decai e entra em desilusão. A partir daí, as pessoas passam a entendê-la melhor e, por isso mesmo, aproveitá-la com maturidade.

Pelo segundo ano consecutivo, fizemos aqui, na Tracto, uma pesquisa para saber onde os profissionais de comunicação brasileiros enxergam 30 táticas (canais, plataformas, ferramentas etc.) mais usadas em content maketing. O relatório está disponível para download gratuito.

Conclusões
Coletamos as opiniões de mais de 700 profissionais de Comunicação, que apontaram em que ponto do ciclo, na opinião deles, estão essas 30 táticas. As principais conclusões são:

  1. Aplicativos mobile estão em plena ascensão, com destaque para aqueles que geram conteúdo em foto ou vídeo, como Periscope e Snapchat. WhatsApp, por sua vez, está no topo pelo segundo ano seguido.
  2. Automação de marketing, que nos Estados Unidos já se consolidou e em certa medida começa a tatear a fase de declínio, está crescendo na visão do mercado brasileiro. E-book, uma das ferramentas mais usadas para captação de cadastro, aproveita a esteira e também sobe.
  3. Eventos online, como webinars e hangouts, que até 2014 estavam em standby, começam a ganhar força.
  4. Google e YouTube estão tão consolidados que os profissionais se dividem na percepção. Parte os vê em ascensão e parte os vê em produtividade. É uma combinação bastante desejável.
  5. Instagram é percebido em ascensão ou pico por seis em cada dez profissionais brasileiros. Mas outros dois já o enxergam em queda.
  6. Três plataformas consagradas são vistas em queda: Facebook, Twitter e blog. Mas há uma diferença: Twitter e blog são vistos também na fase de produtividade, o que indica que muitos entendem que, para elas, o pior já passou. Para o Facebook, ainda não.
  7. SMS, jornal impresso, Google Plus e Flickr têm algo em comum: tornaram-se obsoletos e substituíveis. Estão todos em fase de desilusão.
  8. Revista impressa é vista na fase de queda e desilusão no Brasil, embora especialistas americanos, como Robert Rose e Joe Pulizzi, a considerem uma tática extremamente eficiente pela pouca concorrência no meio impresso.
  9. LinkedIn é percebido tanto na fase de ascensão quanto de esclarecimento. E é fácil entender: nos últimos dois anos, a ferramenta vem se posicionando como plataforma de conteúdo, e não apenas de busca de emprego.
  10. Podcast não é um formato novo, mas é visto em ascensão. Isso talvez se explique por sua fácil adequação a dispositivos móveis, cada vez mais populares.
  11. Algumas plataformas já passaram por altos e baixos e agora são vistos em produtividade, como e-mail, rádio, livro impresso e televisão. Não significa que tenham estabilidade, mas que os profissionais já sabem o que esperar delas.
  12. Medium e Tumblr, embora sejam populares entre usuários de plataformas digitais, são as maiores incógnitas para profissionais de comunicação brasileiros.

Podcast
O resultado da pesquisa foi o tema da 28ª edição do Podcast Content Marketing Brasil, que você ouve abaixo.∞

Como ouvir
Ouça o Podcast Content Marketing Brasil em seu smartphone ou tablet. Clique sobre os aplicativos abaixo para obter mais informações.∞
Cassio Politi é fundador da Tracto e do All Metrics. Foi em 2016 palestrante do Content Marketing World, o principal evento do tema no mundo, em Cleveland, nos Estados Unidos. Nesse mesmo ano, foi apontado pela Traackr como o 9º mais influente profissional de marketing de conteúdo da América Latina. E aparece na lista dos 50 mais influentes do mundo publicada pelo Top Blogger.

Foi eleito o profissional de content marketing do ano pela Digitalks em 2015. É desde 2014 o único sul-americano a compor o seleto júri do Content Marketing Awards. É autor do livro Content Marketing - O Conteúdo que Gera Resultados, publicado em 2013. Presta consultoria para grandes empresas brasileiras e multinacionais. Já conduziu palestras, treinamentos in company e cursos abertos em 25 estados.

→ Siga no Twitter: @tractoBR.
→ Leia os artigos de Cassio Politi na Tracto.
→ Veja o perfil completo de Cassio Politi.
Métricas de Mídias Sociais, Content e Inbound Marketing | Master Class | 9 de dezembro | São Paulo Saiba mais
Content Marketing Brasil: conteúdo incrível, online e gratuito! Inscreva-se