O que faz um social media no Brasil?

Esta é a caçula das atividades dentro da Comunicação em diversos países ― e o Brasil é um deles.

Na pesquisa que realizamos neste mês, na Tracto, com cerca de 1.200 profissionais da área, concluímos que 97% dos social media não se dedicam exclusivamente às atividades relacionadas a atualização de redes sociais. Eles produzem conteúdo escrito para outras plataformas, como blog, release, matérias em site corporativo etc.

Aliás, as atribuições não se restringem a produção de texto. Um em cada três social media produz ou participa da produção de material de vídeo quase sempre para plataformas online, como YouTube, Vimeo e outras. E um em cada seis produz material de áudio ― podcasts, webinars etc.

Essa função é ocupada essencialmente por profissionais jovens. A maioria (72%) tem menos de 30 anos de idade. Outros 19% têm entre 30 e 39 anos. De cada dez, oito têm remuneração inferior a R$ 3 mil mensais, o que está relacionado mais à faixa etária do que à atividade em si.

Convergência
A atividade que mais se aproxima do social media é a de assessor de imprensa, um pouco mais antiga e consolidada dentro da comunicação corporativa. Mas veja que dado curioso: 73% dos assessores de imprensa têm entre as suas atribuições a atualização de contas de empresas nas redes sociais.

O cruzamento dos dados leva a crer que as funções de assessoria e social media tendem a se fundir numa mesma atividade.

Dados da pesquisa
O relatório da pesquisa está disponível para acesso logo abaixo e para download gratuito no canal da Tracto no SlideShare.


Todas as matérias sobre esta pesquisa:
Métricas de Mídias Sociais, Content e Inbound Marketing | Master Class | 9 de dezembro | São Paulo Saiba mais
Content Marketing Brasil: conteúdo incrível, online e gratuito! Inscreva-se