Instagram como tática de content marketing: atributos e tendências

Em 2010, o brasileiro Michel (Mike) Krieger criou, ao lado do norte-americano Kevin Systrom, uma aplicação para iPhone que remete às antigas máquinas fotográficas Instamatic, da Kodak. Isso inclui as fotos quadradas obtidas com os velhos filmes 126. Mas com uma vantagem: filtros visuais que transformam imagens amadoras em verdadeiras obras.

O nome, junção de “instant” e “telegram”, popularizou-se a ponto de se tornar a forma mais popular de se compartilhar fotos e vídeos por meio de celulares. Isso ficou evidente em 2012, quando a versão para smartphones Android foi lançada: após um dia de lançamento, foram 1 milhão de downloads ― a estimativa é a de que o aplicativo seja usado por mais de 100 milhões de usuários. Comprado pelo Facebook por US$ 1 bilhão, o Instagram também dialoga com outros sites de relacionamento, incorporando funcionalidades como envio direto de mensagens, curtidas e hashtags.

O gráfico abaixo analisa o Instagram como plataforma de content marketing em oito aspectos: alcance, audiência, identidade, brand equity, posicionamento, resultados, otimização e análise. Como se percebe, sua finalidade está essencialmente voltada para alcance e análise.

Instagram como tática de content marketing

Tendência
As empresas que conseguem gerar e compartilhar boas imagens tendem a desfrutar de um momento de crescimento do Instagram. No longo prazo, outros aplicativos de imagem podem ameaçar o seu reinado no compartilhamento de fotos. A começar pelo Snapchat, febre entre adolescentes nos Estados Unidos.

Baixe o e-book
Este texto foi extraído do e-book “Táticas de Content Marketing: Atributos e Tendências 2014“, de autoria de André Rosa e Cassio Politi. Você pode baixar o e-book gratuitamente aqui: http://tracto.me/taticas2014.

Você pode, ainda, ler o conjunto de matérias publicadas em nosso site sobre os atributos e tendências de cada tática.

O conteúdo do e-book foi apresentado em um webinar no dia 22 de janeiro de 2014, cujo áudio foi transformado no podcast que você pode ouvir abaixo.∞