Home Técnicas Gestão de conteúdo 16 erros de content marketing segundo o principal livro do mundo

16 erros de content marketing segundo o principal livro do mundo

5 min de leitura

Erros de content marketingEmpresas cometem muitos dos mesmos erros de content marketing. No best-seller Epic Content Marketing — cuja versão resumida você pode baixar gratuitamente —, Joe Pulizzi  lista os 16 deslizes mais frequentes, que reproduzimos abaixo.

Eis os erros de content marketing apresentados no livro:

Você só fala de você
Os clientes não dão a mínima para você. Eles se preocupam com eles mesmos e com seus problemas. Muitas vezes nos esquecemos disso quando elogiamos nossos produtos, com os quais ninguém se importa. Quanto mais você fala de você, menoso conteúdo se espalha.

Você tem medo de fracassar
Assumir riscos e experimentar: esse é o caminho para descobrir as oportunidades de content marketing mais valiosas.

Você exige pouco
O seu content marketing tem de ser o melhor em seu segmento. Melhor do que os seus concorrentes e melhor do que a mídia especializada. Como você pode querer ser visto como expert de confiança se não produzir o melhor conteúdo?

Você não busca informações corretamente
A maioria das marcas terceiriza parte do processo de criação de conteúdo. Não tenha medo de encontrar os campeões de conteúdo dentro e fora de sua empresa, como jornalistas, escritores e agências.

Você se comunica em silos
Um dos mais frequentes erros de content marketing é contar histórias diferentes em canais diferentes — como relações públicas, comunicação corporativa, mídias sociais, e-mail e outras mídias. Todos os departamentos devem seguir um enredo corporativo consistente.

Você não busca o desconforto
Seth Godin afirma em seu livro Linchpin que, se você não sair consistentemente da sua zona de conforto, você está condenado ao status quo. Faça algo completamente inesperado com o seu conteúdo de tempos em tempos.

Não há call to action
Todo conteúdo deve ter um call to action. Se não tiver, pelo menos, deve expor o verdadeiro propósito por trás da razão de existir daquele conteúdo.

Você está muito concentrado em um canal específico
Pare de pensar apenas em newsletter por e-mail ou Facebook. Pense no problema que dos seus clientes que você se propõe a resolver. Então, conte essa história de maneiras diferentes, em todos os lugares onde seus clientes buscam informações.

Você tem um plano B
O que deve existir é tentativa e repetição. Esqueça um plano de backup. Se fizer isso, você admite que pode falhar antes mesmo de começar.

O conteúdo não tem um dono
Alguém em sua empresa (possivelmente, você) deve se apropriar do plano para evitar erros de content marketing.

A diretoria não dá respaldo
Empresas sem o apoio da diretoria estão 300% mais propensas a falhar do que as empresas que têm esse buy-in.

Você não está imerso em seu segmento
Em todos os lugares onde seus clientes estiverem, você precisa estar — seja on-line, impresso ou presencial.

Você não serve um nicho suficientemente definido
Você precisa ser o principal especialista do mundo em seu nicho. Escolha uma área de conteúdo que seja significativa para a sua empresa.

Você é muito lento
Odeio dizer isso, mas a velocidade supera a perfeição na maioria dos casos. Crie um processo simplificado para o seu storytelling.

A distribuição do conteúdo é inconsistente
Content marketing é uma promessa para os seus clientes. Pense no jornal que você recebe toda manhã (se você o receber): quando não chega na hora, você não sente raiva? Pois então, você precisa ter a mesma mentalidade com seu content marketing. Distribua o conteúdo de forma consistente e periodicamente.

Não há foco em mecanismos de busca
Provavelmente, a maior parte do tráfego do seu site vem dos motores de busca, como o Google. Se você criar conteúdos com foco em busca, você consegue focar no problema de seus clientes, mas também é encontrado por eles.

Outros erros de content marketing

No podcast #016 (que você ouve clicando no player acima), inseri este pequeno trecho da entrevista com Joe Pulizzi, autor do livro:

Joe Pulizzi“Na maioria das vezes, as empresas dizem que precisam de conteúdo par o blog, site ou Facebook. Elas não pensam no plano, nem em como a história vai ser contada, tom de voz, visual ou métricas. Mas posso dizer com certeza: se você tiver uma estratégia básica de content marketing, vai trilhar um caminho melhor para ter sucesso. Antes de criar mais conteúdo, pare por um segundo e monte um plano. Garanta que você crie um bom plano para o seu programa de content marketing.”

Resumo traduzido

Você pode baixar gratuitamente o resumo traduzido do livro Epic Content Marketing utilizando o formulário abaixo, sem nem sequer precisar sair desta página.∞

Baixe gratuitamente o resumo traduzido do
livro Epic Content Marketing sem sair desta página.

Cassio Politi
Cassio Politi é fundador da Tracto e do All Metrics. Foi em 2016 palestrante do Content Marketing World, o principal evento do tema no mundo, em Cleveland, nos Estados Unidos. Nesse mesmo ano, foi apontado pela Traackr como o 9º mais influente profissional de marketing de conteúdo da América Latina. E aparece na lista dos 50 mais influentes do mundo publicada pelo Top Blogger.

Foi eleito o profissional de content marketing do ano pela Digitalks em 2015. É desde 2014 o único sul-americano a compor o seleto júri do Content Marketing Awards. É autor do livro Content Marketing - O Conteúdo que Gera Resultados, publicado em 2013. Presta consultoria para grandes empresas brasileiras e multinacionais. Já conduziu palestras, treinamentos in company e cursos abertos em 25 estados.

→ Siga no Twitter: @tractoBR.
→ Veja o perfil completo de Cassio Politi.
Veja mais posts em Gestão de conteúdo
Você tem autorização para republicar este post em seu site. As condições indispensáveis para isso são: (1) Dar o devido crédito para a Tracto; (2) Criar um link de seu site para este post.

Post relacionado

Apple tropeçou no Japão por falta de buyer personas

Para você entender o que a falta de buyer personas numa estratégica de marketing pode prov…